CENTRAL DE ATENDIMENTO

8:30h às 12:30h.

Dúvidas Frequentes

1. QUAIS OS TIPOS DE INVESTIMENTO QUE PODEM SER APOIADOS?

Implantação, expansão, modernização, relocalização de atividades produtivas e de infraestrutura;

Capacitação tecnológica e atividades de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D);

Capital de Giro;

Operações de repasse, no âmbito do programa de microcrédito;

Custeio agrícola, pecuário e de beneficiamento ou industrialização;

Outros investimentos.

2. QUAIS OS ITENS DE INVESTIMENTO QUE SÃO PASSÍVEIS DE FINANCIAMENTO?

Aquisição de máquinas e equipamentos, inclusive de informática;

Gastos com obras civis e reformas, incluindo materiais e instalações;

Móveis e utensílios;

Aquisição de softwares;

Gastos com projetos de capacitação tecnológica e de qualidade e produtividade, inclusive treinamento e informatização;

Capital de giro associado ao investimento financiado;

Capital de giro puro;

Entre outros.

3. O QUE NÃO PODE SER FINANCIADO?

Reestruturação empresarial, tais como fusão, incorporação e cisão;

Aquisição de veículos de passeio e leves;

Formação de pastos em áreas de preservação ambiental;

Edificações residenciais, hotéis-residência e loteamentos;

Saunas e termas;

Comércio de armas;

Atividades bancárias/financeiras, exceto para operações de microcrédito; 

Exploração e comercialização de madeira nativa, quando o projeto não estiver acompanhado de um programa de manejo sustentável e/ou reflorestamento com essências nativas;

Empreendimentos em mineração, cujo processo de lavra seja rudimentar ou garimpo.

5. QUAL O PERCENTUAL DO FINANCIAMENTO E A PARTICIPAÇÃO DE RECURSOS PRÓPRIOS?

Nos projetos de ampliação, modernização e relocalização, a Desenbahia financia até 100% do investimento a realizar, respeitadas as condições de cada linha de financiamento. Nos projetos de implantação, a Desenbahia financia até 70% do investimento a realizar, sendo que, no caso de grupo econômico, esse percentual poderá ser de até 80%. O restante será exigido como contrapartida de recursos próprios.

6. COMO É FEITA A COMPROVAÇÃO DOS RECURSOS PRÓPRIOS?

Através da integralização do capital social da empresa, que deve ser efetuada por alteração contratual e comprovada mediante depósito bancário na conta corrente da empresa e vistoria física realizada por técnicos da Desenbahia para verificar se os recursos foram aplicados corretamente em itens previstos no projeto.

8. QUAIS SÃO AS GARANTIAS NECESSÁRIAS?

As operações de crédito com valores de até R$ 100 mil podem ser concedidas exclusivamente com amparo de aval ou fiança. Este valor pode ser ampliado para até R$ 200 mil para clientes com bom histórico na Desenbahia.

Acima de R$ 200 mil será exigida garantia real, a qual poderá ser: hipoteca, alienação fiduciária de bens, penhor, caução, fundos de aval, cessão fiduciária e vinculação de direitos.

9. COMO É FEITA A LIBERAÇÃO DOS RECURSOS?

A liberação de recursos ocorrerá após constatada a legalidade do contrato, legitimado pelo parecer da unidade jurídica. Para habilitar-se a cada saque - pode ter de um a quatro - a Empresa deverá cumprir as condições de utilização do crédito, com base no cronograma de investimentos e desembolsos, anexo ao contrato. Essas condições são, necessariamente; registro na Junta Comercial do aumento e integralização ao capital social, comprovação de aplicação de recursos próprios - a contrapartida, e do financiamento (a partir do segundo saque), através de um relatório financeiro de comprovações de investimentos e respectivas notas fiscais, faturas, recibos (RPA) e pagamentos efetivamente realizados. Quando a operação aprovada tem como fonte recursos BNDES, a comprovação financeira deverá vir acompanhada de cópias. A empresa deverá disponibilizar peças contábeis registrando - destacadamente - as imobilizações decorrentes do financiamento. As operações que registram investimentos em construções civis ou aquisições de máquinas e/ou equipamentos passam por vistoria física e a liberação do crédito fica condicionada ao parecer da unidade de engenharia ou preposto autorizado pela Desenbahia. Na análise do projeto, é elaborado um ''Cronograma de Investimentos e Desembolsos'', de acordo com os investimentos projetados, que é parte integrante do contrato de financiamento, com a previsão dos saques que variam, em média, de duas a quatro liberações. Para cada liberação, a empresa se obriga a realizar os investimentos previstos, sempre aportando com antecipação e proporcionalmente os recursos próprios previstos, comprovando, também, a(s) parcela(s) já liberada(s) do financiamento. A empresa se obriga, também, a apresentar os documentos fiscais comprobatórios dos gastos efetuados, sendo as cópias correspondentes guardadas pela Agência, no processo de financiamento . Técnicos da Desenbahia visitam o empreendimento e através de fiscalização física, financeira e contábil verificam se os recursos do projeto estão sendo aportados de acordo com o previsto.

10. QUAIS OS FORMULÁRIOS E A DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA DAR ENTRADA EM UM PEDIDO DE FINANCIAMENTO?

Baixe os formulários relativos as informações cadastrais e do financiamento. Após o preenchimento, encaminhe para a Desenbahia toda a documentação. É importante atentar para anexar os documentos solicitados e assinar os campos da mesma forma que no documento de Identidade.

11. A DESENBAHIA POSSUI ESCRITÓRIO DE REPRESENTAÇÃO NA MINHA REGIÃO?

A Desenbahia possui sede própria localizada na Rua Ivonne Silveira, 213 - Doron (Paralela) – Salvador – BA. A sede dispõe de analista e técnicos especializados em compreender e atender às suas necessidades. Entendendo a várias demandas pelo Estado, a Desenbahia também conta com Gerentes de Negócio que apoiam nas estratégias comerciais da Agência, conforme região do Estado. Os contatos desses Gerentes constam no link: http://www2.desenbahia.ba.gov.br/Atendimento/gerencias

12. A DESENBAHIA FINANCIA PROJETOS FORA DO ESTADO DA BAHIA?

A Desenbahia possui autorização (Resolução 3.593 do Conselho Monetário Nacional) para atuar apenas no Estado da Bahia e nos Estados limítrofes, quando o empreendimento visar benefícios de interesse comum ao Estado da Bahia. Projetos localizados em outros Estados não podem ser financiados pela Desenbahia.

13. QUEM PODE OBTER FINANCIAMENTO NA DESENBAHIA?

Empresas privadas, produtores rurais, pequeno empresário, pessoas físicas residentes no Estado com atividade de microempreendedorismo de transporte escolar ou taxi, instituições operadoras de microcrédito, cooperativas singulares e centrais, associações no âmbito do programa de economia solidária e administração pública municipal. 

16. A DESENBAHIA FINANCIA PROJETOS DE IMPLANTAÇÃO?

Sim, os projetos de implantação poderão ser financiados em até 70% dos investimentos financiáveis a ser realizado, sendo necessária a comprovação da contrapartida de recursos próprios de no mínimo de 30%, bem como a apresentação de projeto de viabilidade econômico-financeira e garantias mínimas de 130%.

17. ENVIO DA DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA O ENQUADRAMENTO PODE SER FEITO VIA POSTAL OU PRECISA SER FEITO PESSOALMENTE?

O envio pode ser feito por via postal ou se preferir pessoalmente na nossa Central de Relacionamento. Para projetos de investimento, favor manter contato com o Gerente de Negócios da sua região.

18. QUAIS SÃO AS EXIGÊNCIAS PARA A OBTENÇÃO DO CRÉDITO?

Estar em dia com as obrigações fiscais, tributárias e sociais; 
Cadastro satisfatório; 
Ter capacidade de pagamento; 
Comprovação da disponibilidade dos recursos próprios necessários à realização do empreendimento e garantias suficientes; 
Regularidade ambiental, a depender do financiamento solicitado; 
Garantias adequadas e suficientes para cobertura de no mínimo 130%; 
Entrega das informações e documentação básica para enquadramento e posterior análise do financiamento.

19. QUAL O TEMPO PARA A CONCESSÃO DO FINANCIAMENTO?

O tempo para a concessão do financiamento depende da complexidade da proposta apresentada além da disponibilidade de informações sobre a empresa e o objeto financiável. A presteza no fornecimento da documentação solicitada é fator determinante para a velocidade com que tramitará a solicitação do financiamento.

7. QUAIS SÃO AS CONDIÇÕES DO FINANCIAMENTO (CARÊNCIA, AMORTIZAÇÃO, ENCARGOS FINANCEIROS E TARIFAS COBRADAS)?

Os prazos de carência e amortização do financiamento, taxas de juros e tarifas cobradas são definidos em cada linha de crédito, e de acordo com critérios, tais como: capacidade de pagamento, porte da empresa, garantias que possam ser oferecidas, setor de atividade, bem financiado, entre outros.

A tabela de tarifas está disponível no endereço eletrônico: http://www.desenbahia.ba.gov.br/publitao/arquivos/arquivos/d1c24df5ff0f48ef8b0d62ffe8820b3e.pdf