Acessibilidade
A+ A-
CENTRAL DE ATENDIMENTO

(71) 3103-1001

8:30h às 12:30h.

últimas Notícias

Fique por dentro das notícias da Desenbahia

  • 19/02/2020 - 14:55

    Cooperativas baianas começam a acessar recursos para capital de giro

    Gostei Não Gostei

Cooperativas e associações agroindustriais da agricultura familiar da Bahia passaram a acessar a Coopergiro, uma linha de crédito específica de capital de giro da Desenbahia. Inicialmente, foram disponibilizados um total de R$ 470 mil, sendo R$ 220 mil para a Cooperativa dos Cajucultores Familiares do Nordeste da Bahia (Rede Cooperacaju), e R$ 250 mil, para a Cooperativa Regional de Alimentos Bahia (FrigBahia). 

 

A ação é resultado da parceria firmada entre a CAR/SDR e a Desenbahia, com recursos do Fundo de Desenvolvimento Econômico e Social (Fundese). O objetivo é garantir capital de giro para as cooperativas, com prazo de pagamento e taxas competitivas, proporcionando a ampliação das operações relacionadas à produção e comercialização de produtos da agricultura familiar baiana.

 

De acordo com Francisco Miranda, presidente da Desenbahia, neste mês de janeiro estão ocorrendo as primeiras liberações de crédito: “O Governo do Estado se articulou em um arranjo de fomento inovador para moldar um produto exclusivo, e assim atender demandas dos produtores rurais, no âmbito da agricultura familiar, apoiando o cooperativismo no estado”. 

 

Um dos beneficiados pela linha de crédito Coopergiro, a Rede Cooperacaju, tem sede em Ribeira do Pombal, conta com 750 cooperados e comercializa amêndoas de castanhas de caju naturais, fritas e salgadas, além de um mix com amêndoas de castanha de caju, abacaxi e banana desidratada. A capacidade instalada de produção é de 110 toneladas de amêndoas beneficiadas. O acesso ao crédito permitirá o aumento da compra de matéria-prima dos cooperados e a ampliação dos estoques de castanhas, viabilizando o processo de beneficiamento da produção nas agroindústrias vinculadas, durante todo o ano, consequentemente aumentando a quantidade de oferta do produto.

 

“A Rede Cooperacaju comemora a liberação do recurso da Coopergiro, recurso tão esperado por nós do cooperativismo. Agora podemos encher nossos estoques de castanhas de caju, para poder trabalhar o ano todo nas unidades de beneficiamento, transformando as castanhas dos nossos cooperados nas deliciosas amêndoas de castanha de caju que estão sendo apreciadas pelos nossos clientes na Bahia e em todo o Brasil. Temos que agradecer tudo isso à CAR/SDR, que vem lutando junto com as cooperativas da agricultura familiar da Bahia, para o fortalecimento e aumento na produção em nossas unidades de beneficiamento, para alcançarmos mais clientes”, ressaltou Ícaro Rennê, presidente da Rede Cooperacaju.

 

Para o presidente da FrigBahia, Valcyr Rios, o recurso da Coopergiro vai viabilizar a possibilidade de aquisição da matéria-prima, cordeiros e cabritos, pela cooperativa: “Chega em um momento importante. Com a expansão de mercado da cooperativa, estamos com alta demanda de aquisição de matéria-prima e esse capital de giro vem aumentar nossa capacidade de atuação no mercado de compra”. Ele explica que a FrigBahia possui 40 cooperados e atua com cinco cooperativas filiadas, trabalhando diretamente com um total de 300 cooperados: “Essa ação vai chegar ao nosso cooperado e aos filiados das cooperativas parceiras em um momento oportuno, com o mercado de proteína aquecido, para a aquisição de animais”.

 

A Coopergiro é voltada para as agroindústrias apoiadas por projetos e programas executados pela CAR/SDR. A lista com os documentos necessários com os formulários para acessar o crédito, que deverão ser preenchidos com as propostas das organizações produtivas interessadas, já está disponível no link: http://www.car.ba.gov.br/node/12255. Para mais informações, os interessados poderão entrar em contato com a CAR, por meio do e-mail: coopergiro@car.ba.gov.br ou pelo telefone: (71) 3115-3956.




Gostei Não Gostei

Comente esta notícia