CENTRAL DE ATENDIMENTO

(71) 3103-1001

8:30h às 12:30h.

últimas Notícias

Fique por dentro das notícias da Desenbahia

  • 14/09/2020 - 10:02

    PROTÁXI: Desenbahia oferece nova repactuação, até dezembro de 2020

    Gostei Não Gostei

 

A Desenbahia informa que está atenta e sensível aos impactos da pandemia no setor produtivo baiano e dispõe de linha de financiamento para aquisição de veículos para os taxistas. A Desenbahia está concedendo um novo prazo – até dezembro de 2020 -  de suspensão no pagamento das prestações do contrato de financiamento de táxis (evitando a negativação ou restrição de acesso à crédito).

 

Apenas os Órgãos de Classe cadastrados junto à Desenbahia poderão operacionalizar a repactuação dos contratos elegíveis. Os Órgãos de Classe ficam responsáveis por divulgar a regra (descrita abaixo), recolher os documentos necessários para repactuação do saldo devedor do contrato de cada cooperado/associado e protocolar individualmente as solicitações de cada cooperado/associado na Desenbahia, identificando a entidade responsável pelo contrato.

 

 

Regras de repactuação dos contratos:

 

A lista a ser enviada pela Desenbahia possui todos os clientes filiados aos Órgãos de Classe que estavam em dia com suas parcelas até 01/03/2020, inclusive, os clientes que já solicitaram renegociação COVID e que também já tiveram a renegociação implantada e receberam o carnê.

1. Os clientes que solicitarem a renegociação COVID-Fase 2 só terão a opção de alongar a suspensão de suas parcelas até Dezembro/2020, voltando a pagar as parcelas a partir de Janeiro de 2021. Não será ofertada a possibilidade de prazo menor ou maior que este, não existe mais a opção de escolher  6 meses, Fase 1.

2. Encerrado o período de carência, serão retomados os pagamentos a partir de janeiro de 2021, mantendo-se a mesmas quantidades de parcelas ainda não pagas no contrato renegociado;

3. A taxa de juros utilizada na repactuação será a mesma taxa contratada. Os juros não pagos no período de carência serão acrescidos ao saldo devedor do contrato. Assim, com a retomada dos pagamentos em Janeiro/2021, a parcela do financiamento será maior que a parcela atual;

4. Durante a repactuação dos contratos, os clientes que solicitarem renegociação COVID- Fase 2 não serão enviados para negativação junto à SERASA, nem protestados;

 

 

Documentos necessários para repactuação:
 

1.  Original do Termo de adesão assinado conforme RG/ CNH entregue.

2.  Cópia legível do RG ou CNH do cliente que deverá ter data de expedição máxima de 10 anos.

3.  Original do Aditivo contratual assinado conforme RG/CNH entregue.

 

 

Observações importantes

- A Desenbahia irá se comunicar com os Órgãos de classe através dos e-mails, telefones e responsável registrados nos nossos cadastros.

- O cliente só poderá solicitar a renegociação via cooperativa/sindicato/associação a que estiver vinculado no momento inicial do pedido financiamento.

- Os cooperados/associados que não estejam enquadrados e, portanto, fora da lista enviada, poderão solicitar a renegociação após quitarem as parcelas vencidas até 29 de fevereiro de 2020.

- O Órgão de classe deve solicitar que os cooperados/associados entreguem o antigo carnê juntamente com a documentação apresentada para que sejam cancelados em virtude da entrega de novos boletos.

- Dúvidas em relação ao passo a passo de repactuação deverão ser esclarecidas através da Central de Cobrança no telefone 71 3103-1003 ou correiocobranca@desenbahia.ba.gov.br.




Gostei Não Gostei

Comente esta notícia