Glossário

O leasing é um contrato denominado na legislação brasileira como “arrendamento mercantil”. As partes desse contrato são denominadas “arrendador” e “arrendatário”, conforme sejam, de um lado, um banco ou sociedade de arrendamento mercantil e, de outro, o cliente. O objeto do contrato é a aquisição, por parte do arrendador, de bem escolhido pelo arrendatário para sua utilização. O arrendador é, portanto, o proprietário do bem, sendo que a posse e o usufruto, durante a vigência do contrato, são do arrendatário. O contrato de arrendamento mercantil pode prever ou não a opção de compra, pelo arrendatário, do bem de propriedade do arrendador.

O valor máximo de um empréstimo, financiamento ou outro tipo de concessão de crédito. O crédito tem seus limites estipulados por meio da análise de renda, ou seja, quanto uma pessoa ou empresa recebe/fatura por mês.

Facilidade e rapidez com que se converte um ativo qualquer em moeda corrente, com a menor perda possível de rentabilidade. Quanto mais rápido um título ou bem pode ser vendido no mercado, com o menor nível de perda de valor, maior a sua liquidez. O preço do ativo, em geral, reflete o seu grau de liquidez. O papel moeda é, por definição, o ativo de maior liquidez, porque é trocado sem custos e imediatamente, porém, a sua rentabilidade é nula.

Acompanhe as parcelas de
seu financiamento
pelo APP

Para clientes Desenbahia: reimpressão e emissão de boletos, extrato financeiro, alertas de vencimento

Desenbahia 2020 - Todos os direitos reservados.